14 fevereiro, 2016

Resenha - Sanctum - Madeleine Roux

Sanctum - Asylum # 2
Autora: Madeleine Roux
Editora: Vergara & Riba
Páginas: 384
Avaliação: 4/5
Onde Comprar: Amazon - Saraiva

SINOPSE: Visões e Vozes. As lembranças do verão passado, vividas no alojamento Brookline do New Hampshire College, são as mais aterrorizantes da vida de Dan, Abby e Jordan. Uma experiência traumática que eles querem esquecer. Porém, seguir em frente não será uma opção. Alguém quer manter vivo aquele terror. Os três jovens estão recebendo cartas anônimas com palavras enigmáticas e fotos de um antigo parque de diversões. Para dar fim nesse pesadelo, eles irão se disfarçar de candidatos e voltar por um fim de semana ao campus do NHC. E, ao chegar lá, eles vão descobrir que aquele parque das fotos não só é real como também voltou a funcionar. Agora, a capa pista que tentam desvendar, Dan e seus amigos descobrirão segredos ainda mais sombrios do que haviam imaginado. Além de correrem muito mais perigo. Para se salvar, eles não poderão perder o controle.

"(...) Se para ele tudo tinha acabado? Não de jeito nenhum. Os sonhos continuavam, mais assustadores do que nunca, e muitas vezes o diretor em pessoa marcava presença.(...)"

Bem melhor e intrigante que o primeiro livro, "Santcum", é a continuação de "Asylum", e vai nos levar de volta ao mundo de Brookline.

Apesar de já terem se passado algum tempo, Dan ainda é atormentado por pesadelos e na tentativa de desvendar todo o enigma e com a impressão de que as coisas não ficaram bem resolvidas ele, Abby e Jordan disfarçados, com o interesse em uma vaga na Universidade, voltam a Universidade.

Eles achavam que seria um pouco mais fácil, pois agora eles conhecem um pouco mais da história, imaginam que sabem o que esperar e tem "pistas", porém a cada capitulo percebemos o temor e o medo assombrando eles, nada acontece como eles previram e eles precisarão mais uma vez desvendar esse mistério e se manterem vivos.

"(...)Passou a sentir um vazio em sua existência, um mistério pessoal que precisava ser resolvido."

Dan é fisgado diretamente ao passado daquele lugar sombrio, e assim como no livro anterior aos poucos vamos percebendo e recebendo as respostas.
Acontecimentos e fatos soltos do primeiro livro, vão criando mais forma neste segundo livro, uma nova descoberta surge e com ela toda uma trama envolvendo uma sociedade secreta, até o então, inexistente.
Esse livro me prendeu e me deixou muito instigada a continuar a leitura. 
Os personagens agora estão menos infantis e levam mais a sério toda essa aventura. 

"(...) - Nós sabemos que o diretor usava o Brookline como seu brinquedinho particular, mas e se não fosse só ele? E se ele tivesse envolvido com esses Scarlets?"

Assim como no livro anterior temos fotos em preto e branco, fotos assustadoras relacionados as descobertas dos personagens.
Esse livro nos trás um pouco mais de "medo", a história nos prende e nos deixa angustiados, querendo saber o que vai acontecer, mas ainda assim, não classificaria como terror.


Ótimas leituras 
Beijos Dri

2 comentários:

  1. Nossa, pirei nessa capa!!!
    Não sei se teria coragem de ler, sou medrosa, nunca li nada do gênero.. aiaiai
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não tinha lido nada do gênero antes dos livros da Madeleine.
      Mas gostei, não são tão assustadores assim..

      Excluir